Banner Águas de Pará de Minas   Prefeitura de Pará de Minas

Preservação e combate ao desperdício pautaram o evento alusivo ao Dia Mundial da Água


As comemorações e reflexões referentes ao Dia Mundial da Água acontecem nesta quinta-feira, 22 de março. A data visa conscientizar as autoridades e a população quanto à necessidade urgente de preservar os recursos naturais.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter


Os moradores de Pará de Minas sofreram na pele o que é a falta d’água para as atividades básicas do cotidiano. A seca prolongada resultou no esgotamento dos dois mananciais da região onde era feita a captação.


Alguns bairros ficaram até 25 dias sem água nos anos de 2013 e 2014, no ápice da crise hídrica e por pouco tem em 2015. O abastecimento só foi normalizado com a saída da COPASA do município e a chegada da concessionária Águas de Pará de Minas que investiu cerca de R$ 50 milhões na construção de uma adutora de 28 quilômetros que capta água no rio Paraopeba, na comunidade de Córrego do Barro.


Entretanto outras cidades da região Centro-Oeste de Minas Gerais, como Bom Despacho, Divinópolis e Santo Antônio do Monte para citar apenas estes exemplos, também passaram por maus momentos devido à escassez do recurso hídrico provocada pela falta de chuvas.


Em 2018 o volume de chuvas foi superior aos anos anteriores na região e ajudou um pouco na recuperação de rios, ribeirões e lagos. Porém, é preciso mais investimentos e ações de utilização correta da água.


Durante o evento alusivo ao Dia Mundial da Água realizado na praça Padre José Pereira Coelho, Centro, a gerente Comercial da Águas de Pará de Minas, Cláudia Teixeira, reafirmou que a concessionária resolveu o problema de abastecimento. Contudo, os paraminenses devem continuar sendo parceiros e não desperdiçar para nunca faltar:


Cláudia Teixeira
eventodiadagua2018claudiateixeira

Para Felipe Augusto Duarte Milton, presidente do Conselho Municipal de Desenvolvimento do Meio Ambiente (CODEMA), a água é um bem comum que as pessoas deveriam valorizar todos os dias. Sem ela não existe vida:


Felipe Augusto Duarte Milton
eventodiadagua2018felipeaugusto

Maria Clara Moreira de Souza, de 12 anos, membro do Grupo de Escoteiros José Ildeu Gramiscelli em Pará de Minas, apresentou alguns projetos desenvolvidos pelo movimento que incentivam a preservação da natureza:


Maria Clara Moreira de Souza
eventodiadagua2018mariaclara

A falta de investimentos dos últimos anos por parte da COPASA que operou por mais de três décadas em Pará de Minas até abril de 2015, fez como que a concessionária Águas de Pará de Minas investisse na construção de uma rede adutora de 28 quilômetros ligando a Estação de Tratamento de Água no bairro Nossa Senhora das Graças a captação no rio Paraopeba, na região do distrito de Córrego do Barro.

O fornecimento de água na cidade foi normalizado e reveza entre o sistema do rio Paraopeba e os mananciais do córrego dos Paivas e ribeirão Paciência. Atualmente não há qualquer risco iminente de falta d’água em Pará de Minas.

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm