Banner Águas de Pará de Minas   Prefeitura de Pará de Minas

Cruzeiro encara o Racing e busca liderança da Libertadores

Cruzeiro/Divulgação

Cruzeiro e Racing se reencontram nesta terça-feira, 22 de maio, no Mineirão, pela rodada final da fase de grupos da Copa Conmebol Libertadores. As duas equipes já se enfrentaram no mês de fevereiro e a equipe argentina saiu de campo com a vitória por 4 a 2. Ainda que o resultado tenha sido desfavorável, os jogadores celestes garantem que não há clima de revanche, mas, sim, um foco total para buscar a vitória, que garantiria à Raposa a liderança do Grupo 5.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Experiente nesse tipo de confronto, o meia Thiago Neves reforça que a liderança é o grande objetivo da equipe, que pode conquistar essa condição com uma vitória com margem mínima de gols sobre o adversário.

“Não vejo como revanche, mas vale o primeiro lugar pra gente. Todo mundo sabe a importância que é ser primeiro, da recuperação que fizemos nesses três jogos. Estamos jogando em casa, com o torcedor que vai encher o Mineirão. Precisamos ganhar para depois termos vantagem de decidir em casa no mata-mata. Revanche não, mas vamos lembrar do que eles fizeram lá, da forma que foi. Espero que estejamos em uma noite iluminada”, destacou o camisa 30.

Quem corrobora da opinião do meia é o volante Lucas Silva. Na opinião do camisa 16, tratar o jogo como revanche pode tirar dos atletas o real foco da equipe.

“O jogo é de alto nível, jogo grande de Libertadores. É atípico tomarmos quatro gols. Tanto que, depois disso, sofremos poucos gols e temos uma das defesas menos vazadas do país. Se entrarmos com espírito de revanche, de querer dar o troco, querer golear, será um pensamento ruim. Nosso foco é o de ir para o Mineirão e vencer o jogo”, reiterou Lucas.

A recuperação celeste na competição passou por resultados importantes, como as goleadas contra La U e Vasco da Gama. Segundo Thiago Neves, a equipe cinco estrelas tirou diversas lições do começo irregular.

“Mudamos a forma de jogar. O time hoje está mais maduro, com mais rodagem. Creio que será um jogo diferente. Precisamos ter atenção o tempo inteiro. Lá [na Argentina] faltou atenção em quatro momentos e tomamos quatro gols. Temos que ter atenção durante os 90 minutos, a bola parada deles é ponto forte também. Temos que fazer isso para não sermos surpreendidos”, alertou o meia.

Lucas Silva acredita que a força do elenco foi testada em uma sequência pesada e que o fato do Cruzeiro ter superado os momentos difíceis dão ao time a condição de buscar a liderança do Grupo 5 nesta terça.

“Não foi um início como esperávamos, com derrota lá na Argentina e empate em casa. Isso acaba mexendo com nós jogadores, com os torcedores e o ambiente aqui no Clube. Porém, fomos colocados à prova no Brasileirão e na Copa do Brasil. Com a força do grupo, todos juntos, conseguimos superar esses jogos difíceis que tivemos, reconquistando nossa moral, nosso bom futebol. Agora estamos em uma situação boa, tanto que nesse último jogo podemos até ser líderes do grupo. E é o que vamos buscar. Na minha opinião, qualquer vantagem que conseguirmos obter é importante para nossa sequência”, opinou o volante.

Cruzeiro e Racing se enfrentam às 21h30 no estádio Mineirão. Uma vitória simples garante ao Clube a classificação em primeiro lugar do Grupo 5 para as oitavas de final da Copa Conmebol Libertadores.Com informaççoes do Cruzeiro

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm