Banner Águas de Pará de Minas   Prefeitura de Pará de Minas

Atendimento para cadastro biométrico em São Paulo está 70% abaixo

Perto do encerramento, o prazo para o cadastro biométrico eleitoral, nas 84 cidades paulistas que terão a obrigatoriedade nas eleições deste ano, ainda não foi suficiente para muitos eleitores. Do total de municípios, 32 estão com percentual abaixo de 70%, segundo levantamento do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP).

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

O processo de cadastramento, na maioria dos municípios, começou em março do ano passado e deve se encerrar no dia 27 deste mês. Em nove municípios (Guarulhos, Votorantim, Sorocaba, Araçoiaba da Serra, Salto de Pirapora, Botucatu, Itatinga, Pardinho e Várzea Paulista), o prazo ainda é mais curto, acabando no dia 23.

Com esse déficit, mais de 390 mil eleitores, cerca de 32,76% do eleitorado que é obrigado a ter cadastro digital, podem ter o título cancelado, caso não façam o procedimento. O estado de São Paulo tem 645 municípios.

Os eleitores de Guarulhos estão entre os que precisam fazer o cadastro biométrico para votar em 2018. O município é o segundo maior colégio eleitoral do estado, com 936.689 eleitores. Os números da cidade, no entanto, preocupam o tribunal, pois apenas 67,91% dos votantes fizeram a biometria.

De acordo com o TRE, São Paulo tem 32,9 milhões de eleitorais, dos quais 38,86% já fizeram a coleta da digital. Mais de 61%, cerca de 20 milhões de pessoas, no entanto, ainda não atenderam à convocação para o cadastramento. Acesse aqui a lista dos municípios com biometria obrigatória em São Paulo.

Posto na Alesp
A Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) conta com um posto para cadastramento biométrico eleitoral desde na terça (13). Na capital paulista, a obrigatoriedade da leitura digital não vale para as eleições de 2018. Segundo o TRE-SP, ainda não está definido o pleito em que esse mecanismo começará a ser utilizado.

“É mais um ponto para a gente poder ampliar e facilitar a vinda do eleitor à biometrização. Trata-se de um grau de transparência muito grande para o cadastro eleitoral, permitindo que ele corresponda exatamente ao nosso eleitorado e traga segurança, eliminando antigos vícios”, declarou o presidente do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP), desembargador Cauduro Padin.

Diferentemente de outros postos de atendimento do TRE na capital, a unidade da Assembleia não precisa de agendamento prévio.

“Esse posto não faz o cadastramento apenas da cidade de São Paulo, mas serve a todos os 645 municípios do estado. Quem estiver passando por aqui [pela Assembleia] pode fazer a biometria de maneira rápida e simples”, disse o presidente da Alesp, deputado Cauê Macris. Ele informou que, diariamente, cerca de 2 mil pessoas passam pela assembleia. Com Agência Brasil

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm