Banner Águas de Pará de Minas   Banner Facebook

Produção brasileira de cana-de-açúcar pode chegar a 646 milhões de toneladas

A produção de cana-de-açucar deve chegar a 646,34 milhões de toneladas na safra 2017/2018, uma queda de 1,7% quando comparada à temporada anterior, que chegou a 657,18 milhões. A estimativa é do segundo levantamento de safra da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

A área colhida também sofreu uma redução de 3,1%, passando de 9,05 milhões para 8,77 milhões de hectares. Segundo a Conab, a queda ocorreu em razão da desistência e devolução de áreas de fornecedores distantes das unidades de produção, principalmente aquelas em que há dificuldade de mecanização.

Para o coordenador-geral de Agroenergia do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Cid Caldas, essa pequena redução de áreas não causa preocupação porque são locais onde não é possível fazer colheita mecanizada e que estão sendo abandonados. Ele explica que a compensação é feita pelo aumento da produtividade e melhor uso da terra. Para isso, o governo vai disponibilizar este ano R$ 3 bilhões no Plano Safra para o Programa de Apoio à Renovação e Implantação de Novos Canaviais (Prorenova).

“Esse recurso é disponibilizado para o material que ainda é protegido, ou seja, espécies de cana-de-açúcar que têm melhor produtividade, mais qualidade e onde há muitas tecnologias”, disse, acrescentando que hoje existem em torno de 112 dessas espécies. “Teremos mais recursos e esperamos que haja o retorno da produtividade de cana-da-açúcar”.

O recuo na produção desta safra só não é maior devido ao aumento de 1,5% na produtividade, que deve passar dos 72,62 toneladas por hectare na safra passada para 73,73 toneladas por hectare na próxima colheita.

Neste levantamento, a Conab também divulgou o percentual de colheita mecanizada no país. A estimativa para esta safra é de que 90,2% da área de colheita adotem a tecnologia. Na Região Centro-Sul, o percentual é de 95,6%, enquanto que no Norte-Nordeste é de apenas 23,2%, devido à dificuldade de atuação mecânica em um relevo mais acidentado.

Mercado consumidor
De toda a cana-de-açúcar colhida, a prioridade continua sendo para a produção de açúcar, que deve atingir 39,39 milhões de toneladas, um aumento de 1,8% em relação à safra anterior, de 38,69 milhões de toneladas. Com essa tendência, a produção de etanol registra queda de 6,1%, passando de 27,81 para 26,12 milhões de toneladas.

A queda, no entanto, ocorre apenas no etanol hidratado, aquele que vai direto para as bombas de combustível. O etanol anidro tem mercado garantido na mistura com a gasolina e não apresenta variações na produção. Enquanto o hidratado cai 10,2% e sai de 16,73 para 15,02 bilhões de litros, o anidro sobe de 11,07 para 11,09 bilhões de litros, com aumento de 0,2%.

Segundo o superintendente de Informações do Agronegócio da Conab, Aroldo de Oliveira Neto, essa queda na produção do etanol hidratado reflete uma decisão de mercado das usinas de cana-de-açúcar, a partir da própria decisão do consumidor. “Se o consumidor opta em utilizar o álcool hidratado, certamente vai haver um possível processo de demanda. Elas [as usinas] têm rapidez em suprir essa demanda porque é uma questão de opção. Se há uma caída muito forte no uso do etanol nas bombas, as usinas reduzem a produção”, explicou.

A Conab faz quatro estimativas ao longo do ano-safra da cana-de-açúcar. Os dados deste segundo levantamento foram coletados entre os dias 30 de julho e 12 de agosto e estão disponíveis no site da Conab. Com Agência Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm