Banner Águas de Pará de Minas   Banner Facebook

Acesso a cursos gratuitos de profissionalização em nível superior são facilitados em Minas

Divulgação/Unimontes

Ao longo dos últimos anos, a sociedade global vem passando por permanente transformação, especialmente no que se refere à inovação de processos e de produtos. Contudo, para que isso se tornasse possível, foi necessário ampliar as oportunidades de formação e qualificação de mão de obra. Um dos fatores mais importantes tem sido a maior oferta de cursos totalmente gratuitos no âmbito do Governo de Minas Gerais.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Nesse contexto, a Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes) e a Universidade do Estado de Minas Gerais (Uemg) oferecem, além dos cursos regulares a cerca de 30 mil estudantes, outras possibilidades de ensino presencial, semipresencial ou a distância para profissionalizar cidadãos em diversas áreas.

Com a expectativa de expandir a sua atuação nas áreas em que se destaca no ensino, pesquisa e extensão, a Unimontes está com 500 vagas abertas e gratuitas para municípios onde existem polos da Universidade Aberta do Brasil (UAB).

Os cursos online são os seguintes: Licenciatura em Pedagogia, Tecnologia em Gestão Ambiental, Tecnologia em Gestão de Saúde Pública, Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas e de Tecnologia em Sistemas para Internet.

No total, com os acréscimos no edital, a Unimontes ampliou o número de cursos para dez beneficiando interessados de 19 cidades do Norte, Vale do Jequitinhonha, Noroeste e Centro-Oeste.

As mudanças trouxeram alteração na data das inscrições que se encerrariam em 31 de agosto e foram prorrogadas até 29 de setembro pelo endereço eletrônico www.ceps.unimontes.br. A taxa de inscrição (R$ 100,00) deve ser paga por meio de pagamento do Documento de Arrecadação Estadual (DAE). Informações também pelo telefone (38) 3229-8330/8332.

Segundo a Unimontes, nesse projeto, a parceria se dá com o Ministério da Educação (MEC), por intermédio da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes). As provas serão aplicadas no dia 21 de janeiro de 2018 nos polos escolhidos pelos candidatos no ato da inscrição.

Podem concorrer às vagas, os candidatos que já tenham concluído o ensino médio ou equivalente. O processo seletivo contempla o sistema de reservas de vagas e tem caráter eliminatório e classificatório, com provas de múltipla escolha e conteúdos específicos. A Unimontes tem conseguido sucesso nessa modalidade de ensino e por isso assinou novo convênio com a Capes para qualificar mais pessoas.

Para Núbia Abreu Santos, recém-formada em Pedagogia pelo polo da UAB/Unimontes em Januária, participar da colação de grau e comemorar com amigos e familiares foi uma missão cumprida que fará muita diferença na sua vida profissional.

“São 23 anos trabalhando em escolas, apenas com o magistério e agora a graduação representa um sonho conquistado. Hoje me sinto realizada, querendo prosseguir cada vez mais”, afirma.

“Essa trajetória na graduação melhorou a minha formação e o meu currículo. E como a educação é um processo cíclico e contínuo, a Pedagogia, como mãe das licenciaturas, veio para aperfeiçoar e complementar o exercício da profissão”, revela o professor Carlos César de Carvalho, que também colou grau em Pedagogia em Januária pelo polo UAB/Unimontes.

Pós-graduação ao alcance de todos
E para quem sai da graduação e quer começar a dar aula, a Unimontes oferece, desde 2011, sem nenhum ônus, a pós-graduação lato sensu “Didática e Metodologia do Ensino Superior”.

Com 40 vagas anuais e modalidade presencial, o curso tem sido fundamental para quem deseja entrar no mundo acadêmico e ainda não fez nenhuma especialização. As inscrições se encerraram em 14 de julho.

No mês passado foram abertas 1,2 mil vagas em oito cursos online gratuitos de pós-graduação lato sensu. O edital contemplou 14 municípios: Francisco Sá, Taiobeiras, Urucuia, Várzea da Palma, Buritizeiro, Francisco Sá, Pedra Azul, Montes Claros, Pompéu, Almenara, Bocaiúva, Carlos Chagas, Brasília de Minas e Itamarandiba.

Essa ação do Centro de Educação a Distância (Cead/Unimontes) é parte da proposta da instituição de criar oportunidades para melhorar capacitação profissional.

As áreas são: “Educação Popular e Valores Humanos”, “Informática na Educação”, “Gestão Ambiental”, “Gestão Escolar”, “Linguística Aplicada ao Ensino de Português”, “Educação Física Escolar”, “Supervisão Educacional” e “Educação a Distância”.

Na Uemg
Recentemente, a Uemg ofereceu duas pós-graduações lato sensu: Gestão Pública e Gestão Pública Municipal, cujas aulas serão iniciadas ainda neste semestre. Foram 120 vagas ofertadas e o tempo de duração do curso é de 18 meses com 450 horas-aula. Mais informações AQUI.

Também pelo ensino a distância, a Uemg está finalizando, neste semestre, as turmas de graduação em Administração Pública e Pedagogia. Novas turmas deverão ser oferecidas em 2018 após aprovação de novo convênio com o Ministério da Educação, previsto para ocorrer até o fim deste ano.

A realização desses cursos se dá em parceria com o Sistema UAB/Capes, de modo que outras ofertas dependem da divulgação de novos editais do Ministério da Educação, o que deve ocorrer até o fim deste ano para novas turmas em 2018.

Cursos de extensão
A extensão tem sido um caminho bastante explorado pela Universidade do Estado de Minas Gerais para melhorar a qualificação dos profissionais diversos formados pela própria Uemg e em outras instituições.

Ainda na modalidade EaD, a Uemg oferta regularmente cursos de extensão gratuitos. No dia 21 de agosto serão abertas inscrições para ‘Introdução a EaD’, ‘Moodle Básico’, ‘Coordenadores de Tutoria em EaD’ e ‘PREZI’. As aulas começam no dia 5 de setembro.

Sobre a extensão, a universidade oferta continuamente uma diversidade de atividades, como cursos, eventos e projetos. O cadastro das ações previstas para este ano reúne mais de 500 atividades, cujo material poderá ser consultado online no site da Uemg: www.uemg.br/extensao_consulta.php.

Por meio desse link, o cidadão consegue encontrar atividades com base na cidade/unidade acadêmica de realização, área do conhecimento e temáticas principais. Ao clicar em cada resultado da consulta é possível conferir outros detalhes da atividade, incluindo o contato para mais informações.

Como exemplos mais recentes da oferta estão os cursos de curta duração da Escola de Design, com matrículas em andamento, que vão da introdução ao tricô à fotografia digital (www.uemg.br/noticia_detalhe.php?id=9633).

Há também o curso de Extensão em Libras, que será realizado pela Unidade Divinópolis (www.uemg.br/noticia_detalhe.php?id=9579) e tem como público-alvo os professores das redes públicas municipal e estadual, bem como de escolas particulares, além de profissionais liberais, acadêmicos e demais interessados.

Outros destaques são os tradicionais cursos livres de extensão da Escola Guignard (www.uemg.br/noticia_detalhe.php?id=8923), que anualmente oferece à comunidade a possibilidade de estudar e colocar em prática conhecimentos que transitam pelas artes plásticas.

Cursos técnicos
Mas o mercado de trabalho precisa também de bons técnicos e não apenas graduados ou pós-graduados. Por essa razão, existe o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), que tem o objetivo de expandir, interiorizar e democratizar a oferta de cursos técnicos e profissionais de nível médio e cursos de formação inicial e continuada.

O Pronatec tem sido um caminho para a profissionalização de milhares de trabalhadores, desde 2011, também com cursos gratuitos.

No estado há diversas instituições parceiras do programa federal, entre elas a Unimontes, que alcança boa parte do território mineiro, em polos descentralizados.

Entre as muitas ofertas de profissionalização estão os cursos de Assistente Administrativo,Balconista de Farmácia e Auxiliar de Recursos Humanos. Os interessados nas seis centenas de cursos de qualificação e 220 cursos técnicos ofertados pelo Pronatec devem procurar mais informações nos municípios para saber quais deles são oferecidos.

Mediotec
E a partir deste ano começam a funcionar os cursos do Pronatec/Mediotec, cujos alunos passaram por um processo seletivo realizado pela Secretaria de Estado de Educação (SEE).

O Mediotec se destina ao estudante de escolas públicas que esteja cursando o ensino médio regular e seja interessado em se formar técnico. Os cursos oferecidos nessa modalidade são totalmente presenciais e a carga horária varia de 1.200 a 1.440 horas.

Pela parceria da Unimontes/Mediotec estão sendo contemplados os seguintes municípios: Montes Claros, Bocaiuva, Brasília de Minas, Espinosa, Francisco Sá, Grão-Mogol, Janaúba, Januária, Lontra, Minas Novas, Mirabela, Pompéu, Rio Pardo de Minas, Salinas, São Francisco, São João da Ponte, São João do Paraíso, Teófilo Otoni e Varzelândia.

Entre os diversos cursos estão: Técnico em Enfermagem, Técnico em Agronegócio,Técnico em Saúde Bucal, Técnico em Fruticultura e Técnico em Zootecnia.

Uaitec
Outra possibilidade de profissionalização sem nenhum custo ao aluno, no âmbito do Governo do Estado, se dá nas 95 unidades da Universidade Aberta e Integrada de Minas (Uaitec).

O projeto é do Governo de Minas Gerais, por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sedectes), com 95 polos de educação a distância.

Atualmente são 80 cursos de capacitação, profissionalizantes e de idiomas. O número de matriculados chega a quase 170 mil. E desde 2017 já são 427 mil pessoas atendidas.

O público-alvo é o cidadão que busca o acesso às tecnologias da informação e da comunicação e aquele que precisa da qualificação profissional para o primeiro emprego ou para retornar ao mercado de trabalho.

Universidades do Estado em números
A Universidade do Estado de Minas Gerais (Uemg) possui hoje aproximadamente 20 mil estudantes em 115 cursos presenciais de graduação gratuitos distribuídos por 20 unidades acadêmicas em 16 municípios.

O processo seletivo para acesso às vagas que serão ofertadas em 2018 deve ser realizado neste semestre.

A Uemg foi criada pela Constituição Mineira em 1989, com a missão de promover o ensino, a pesquisa e a extensão, a fim de formar cidadãos comprometidos com o desenvolvimento e a integração da sociedade.

A Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes) completou, em abril deste ano, 55 anos de ensino superior público gratuito. Atualmente são 12 mil alunos matriculados na graduação, pós-graduação (lato sensu e stricto sensu), cursos a distância, profissionalizantes e tecnólogos em 87 cursos de graduação (56 regulares e 31 a distância); 16 mestrados próprios e três doutorados.

A Unimontes tem 12 campi em 12 cidades do Norte, Vale do Jequitinhonha e Noroeste. O campus-sede está em Montes Claros. Com Agência Minas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm