Banner Águas de Pará de Minas   Banner Facebook

Rafael Carioca fala em sangue nos olhos para decisão de quarta

galorafaelcarioca
Desfalque no primeiro jogo da final da Copa do Brasil, o volante Rafael Carioca espera um Galo bastante aguerrido na partida de volta, na próxima quarta-feira, em Porto Alegre.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

“Foi montado um elenco para brigar por títulos e terminar o ano sem título é difícil, pela qualidade do elenco, pela grandeza do Atlético. Acho que, começando agora, pelo jogo contra o São Paulo, precisamos ter a consciência da necessidade de melhorar e, na quarta-feira, entrar com sangue nos olhos. Podemos perder, ninguém é imbatível, mas com dignidade. É hora de todos buscarem uma força a mais porque, nesses três jogos, temos que dar a vida por tudo que não foi feito durante o ano”, disse o meio-campista.

Rafael Carioca afirma que o grupo atleticano é forte e não entregou os pontos. Segundo ele, nenhum jogador tem o direito de pensar em alguma coisa que não seja o título.

“É uma vantagem boa para o Grêmio, mas não impossível para nós. O torcedor pode ficar tranquilo que verá uma equipe muito mais forte na quarta-feira, que vai querer brigar pelo título. A gente sabe que é difícil, mas não é impossível. O melhor é fazer nosso trabalho, quietos, por que a gente confia um no outro”.

O volante acredita que o Galo deve partir para cima do Grêmio, mas atuando com sabedoria e de forma organizada.

“Temos que ir para cima com inteligência, saber jogar fora de casa. Saber que precisa vencer e jogar para cima, mas com inteligência. Não adianta querer fazer dois gols em dez minutos e tomar gol. É jogar com inteligência, com cada um sabendo o que precisa fazer dentro de campo”, comenta.

Rafael Carioca concluiu elogiando o técnico interino Diogo Giacomini.

“É hora de refletir, tirar forças, o ânimo tem que se renovar, treinador novo, virão as escolhas dele, então, é força nesse momento. O Diogo tem muita competência, mostrou isso no ano passado, quando jogamos bem, mesmo perdendo para o Grêmio, e, depois, ganhamos da Chapecoense. Agora, é tudo novo. Faltam três jogos e é preciso ter força de vontade, saber escutar. É um momento difícil, que ninguém gosta de viver, mas que só se vive no futebol. Então, é juntar os cacos para a gente conseguir fazer uma boa partida e levantar o resto do grupo”, disse, referindo-se ao jogo deste domingo, contra o São Paulo, na Arena Independência, pelo Campeonato Brasileiro. Com site do Atlético-MG

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm