Banner Águas de Pará de Minas   Banner Facebook

Novamente os passarinhos

passaros

Por Ana Cláudia SSaldanha

Hoje encontrei um casal de passarinhos fazendo ninho na roda da minha bicicleta. Subentende-se que não tenho pedalado nada e é verdade. Mas agora, com esta engenharia toda estou é “voando”.

Passo momentos inteiros vigiando a construção. Tento até ajudar deixando caídos por perto uns raminhos secos. Até agora eles dispensaram.  Deve ter alguma ciência nisto. Talvez a mesma história de não poder ajudar o pintinho a sair do ovo ou a borboleta do casulo. Afinal, tudo tem mesmo o seu tempo.

Também fico pensando nesta capacidade que tem estes pássaros de ramo a ramo construir a vida. Temos andado tão impacientes! Queremos tudo tão pra ontem! Eles sabem que o ninho não nasce pronto. Não entendo é o porquê de não usarem o ninho já construído outrora. Ninho pronto e usado é depois abandonado… Esta espécie é a mesma que já fez ninho no lustre do alpendre da minha casa e que agora me faz voltar aqui ao mesmo tema de outras crônicas. Aprendo muito com os pássaros.

Só neste pedacinho de texto já ressaltei quatro ensinamentos deles: a ação, a paciência, a persistência e o desprendimento. Mas não paro por aí.

Minha irmã que estava ao meu lado nesta observação lembrou-se dos perigos que hora cercam a obra: os gatos. Não temos gatos, mas os vizinhos tem. Eles seguem construindo, indiferentes aos gatos. Movidos pela coragem. Aí, lembro-me de Guimarães Rosa em Grande Sertão Veredas:

…”O correr da vida embrulha tudo, 
a vida é assim: esquenta e esfria, 
aperta e daí afrouxa, 
sossega e depois desinquieta. 
O que ela quer da gente é coragem”…
(O trecho todo é uma obra de arte. Acima só um aperitivo).

Os passarinhos são movidos pela coragem. Acho que Deus habita a coragem. Deus deve ser a coragem. Aquela que nos impulsiona a sair da inércia, a buscar a outra margem. A construir ninhos que serão utilizados e abandonados, por que não?! A coragem que nos faz construir laços e voos. A coragem que nos fortalece frente ao perigo do “gato” e a não desistir apesar do medo. A coragem nunca foi ausência de medo. Ela é a companheira primeira da vitória, afinal quem não arrisca não petista. Só vence quem tem coragem de tentar. Pode ser que tentando percamos, mas o risco é também a vitória.

No mais, desejo a leveza desses voos. O que tem de gente pesada por aí! Não estou falando de obesidade, entendam. Fazer o quê?! Melhor seguir observando. Esta é uma boa forma de aprender. Depois é só ter coragem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm