Banner Águas de Pará de Minas   Banner Facebook

Líderes da Líbia estabelecem um acordo de cessar-fogo em Paris

EFE/Yoan Valat

O chefe do governo de unidade nacional da Líbia, que conta com apoio da ONU, Fayez al Serraj, e o marechal Khalifa Hafter, que controla o leste do território líbio, chegaram hoje (25), em Paris, a um acordo de cessar-fogo no país, que está em guerra há seis anos. A informação é da EFE.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

O encontro, mediado pelo presidente francês Emmanuel Macron e supervisionado pelo novo representante especial do secretário-geral da ONU para a Líbia, Ghassan Salamé, foi concluído com uma declaração conjunta de dez pontos na qual ambos chegaram a um acordo para a convocação de eleições “o mais rápido possível”.

A reunião representa um passo para a estabilização da Líbia, um país falido e vítima do caos e da guerra civil desde que, em 2011, rebeldes apoiados pela Otan conseguiram derrubar o ditador Muammar Kadafi, que estava no poder desde 1969.

Serraj, que conta com o reconhecimento internacional, e Hafter, que domina cerca de 60% do território da Líbia e importantes recursos petrolíferos, se comprometeram a estabelecer um roteiro para restabelecer a ordem no país.

A solução da crise na Líbia “só pode ser política”, coincidiram os dois líderes em um texto que reconhece a validade do Acordo de Sjirat (no Marrocos), no qual a aposta foi pela formação, sem consenso, de um governo de unidade nacional.

Eleições
Após a reunião, Serraj e Hafter compareceram a uma coletiva de imprensa ao lado de Macron, que foi o único que tomou a palavra para anunciar que o processo eleitoral líbio acontecerá no primeiro semestre do ano que vem.

Serraj já havia anunciado há duas semanas a intenção de seu Executivo de convocar eleições antecipadas para março de 2018, uma intenção que se deparou com a oposição do chefe do Parlamento de Tobruk (cidade portuária líbia no Mediterrâneo, próxima à fronteira com o Egito), a região controlada por Hafter.

“O que está em jogo neste processo é imenso, para o povo líbio e para toda a região, e é essencial para toda a Europa, porque tem consequências diretas para nossos países sobre os fluxos migratórios”, disse Macron, que também agradeceu a “coragem” de Hafter e Serraj.

Os dois líderes, que disputam o controle do país com o apoio de várias milícias, se reuniram pela primeira vez em 2 de maio em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos, em um encontro que terminou sem um acordo entre as partes. Com Agência Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm