Banner Águas de Pará de Minas   Banner Facebook

Saiba mais sobre a Febre Maculosa

febmacA febre maculosa brasileira é uma doença infecciosa aguda, podendo causar formas leves até formas graves, com alta taxa de mortalidade.

A doença é causada por uma bactéria Rickettsia rickettsii, cujo principal reservatório dessa bactéria no Brasil são os carrapatos que estão presentes tanto nos eqüídeos quanto no cão, que é um reservatório doméstico potencial.  Os carrapatos infectados é que transmitem a doença. Em nosso país, o Amblyomma cajennense (nome científico do carrapato) é vulgarmente conhecido como “carrapato estrela”. As formas adultas recebem ainda as denominações de “rodoleiro” em muitas regiões do país, “picaço”, no sul de Minas Gerais e “carrapato rodolego”, em Sergipe. As larvas ou as ninfas desses carrapatos são denominadas popularmente de “micuim”, “carrapato pólvora”, “carrapato-fogo”, “carrapato meio-chumbo” e “carrapatinho.

O homem adquire a bactéria após ter sido picado pelo carrapato e a transmissão ocorre quando o artrópode permanece aderido ao hospedeiro por, no mínimo de 4 a 6 horas.

Após ser picado pelo carrapato, o período de incubação são de 2 a 14 dias e a partir daí ocorrem os sintomas que descreveremos a seguir.

A doença não se transmite de pessoa a pessoa. O início da patologia é geralmente de início abrupto, e geralmente com sintomas inespecíficos como febre, de um modo geral elevada, dor de cabeça, dores musculares intensas, mal estar generalizado, náuseas e vômitos. Entre o segundo e o sexto dia da doença aparece o exantema (exantema é uma erupção cutânea que ocorre em consequência de doenças agudas ) nas regiões plantar ou palmar. O exantema é um importante achado clínico, mas pode nao estar presente, o que dificulta e retarda o diagnóstico e tratamento determinando uma maior mortalidade.

Nos casos graves temos como sintomas, inchaço das pernas,  aumento do fígado, dor abominas, diarréias, diminuição da diurese com insuficiencia renal aguda, manifestações neurologicas como convulsões graves subentrantes ( de dificil controle ), sangramentos da pele, no sistema digestivo e pulmonar. Quando não é feito o diagnostico a mortalidade da febre maculosa na forma grave é de 80%.

O diagnostico pode ser confirmado por imunohistoquimica positiva para antígenos de Rickettsia sp.

O tratamento é feito por antibioticos e usamos o cloranfenicol ou doxacilina.

Uma medida preventiva da doença é evitar áreas infectadas pelo carrapato e se possivel usar calças e camisas de mangas compridas, de preferencia branca (para melhor visualização do carrapato) e inspecionar o corpo para verificar a presença do mesmo.

Leia outros artigos de Dr. Márcio Melo Morais

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm