Banner Águas de Pará de Minas   Banner Fapam

Procissão Marítima de Angra dos Reis não terá apoio da prefeitura este ano

A Procissão Marítima de Angra dos Reis, considerada um dos maiores eventos náuticos da América Latina, terá sua estrutura reduzida este ano. A data, entretanto, foi mantida para o dia 1º de janeiro de 2017.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Por decisão da prefeita Conceição Rabha, considerando a atual conjuntura de atraso de salários e dificuldade de fechar o ano honrando os compromissos com o funcionalismo, o Executivo municipal não aportará recurso público para os eventos de fim de ano, disse nesta quinta (22) à Agência Brasil o presidente da Fundação de Turismo de Angra dos Reis (TurisAngra), Kleber Valente.

“Isso inviabilizou o réveillon, que é uma festa cara, e também o apoio que a gente dá para a procissão marítima”, afirmou. No ano passado, a prefeitura investiu na procissão cerca de R$ 200 mil. “Este ano, apesar de ter dinheiro, porque a Fundação é autônoma, não teve decisão do governo para investir no evento.”

Valente ressaltou que o importante é manter a procissão no calendário turístico da cidade, “porque é o evento público de Angra dos Reis que tem o maior retorno nacional de mídia”. Isso significa aumento de turistas, maior arrecadação e maior entrada de divisas para o município.

Em razão desse quadro, a procissão contará somente com recursos privados, estimados em cerca de R$ 60 mil, captados em esforço conjunto da TurisAngra e da Associação de Organizadores de Barcos da Procissão Marítima (Aobpmar). Participam também da equipe organizadora a Associação de Barqueiros (ABAR), a Associação de Agências de Turismo (ATAR) e o Angra e Ilha Grande Convention Bureau (AngraCVB).

“Ela vai acontecer, um pouco menor”, assegurou Valente. Não haverá show musical, eleição da barca madrinha e premiação dos melhores barcos. A Capitania dos Portos, da Marinha do Brasil, está tomando as providências para garantir a segurança da festa. Não é recomendada, por exemplo, a participação no cortejo de embarcações como motos aquáticas (‘jet-skis’), canoas, caiaques e ‘stand up paddle’ (surfe em pé, numa prancha), bem como botes infláveis e similares.

Embora não haja premiação em dinheiro nesta 39ª edição da procissão, a expectativa do presidente da TurisAngra é que se mantenha o nível de embarcações de pequeno, médio e grande porte participantes anualmente, que fica entre 300 e 400 unidades. No ano passado, participaram 350 barcos.

A premiação em janeiro deste ano envolveu a distribuição de R$ 52 mil aos vencedores em diversas categorias, como animação, alegoria, originalidade, barco mais enfeitado. “Isso incentiva o pessoal a participar”. Kleber Valente deixou claro que o fato de não haver prêmios nessa edição “não quer dizer que não vai ter a participação espontânea das pessoas, como acontece todos os anos, porque o número de barcos que concorrem aos prêmios é muito menor que o número de barcos que vão ao evento”.

As embarcações se concentrarão na Praia das Flechas, situada na Ilha da Gipoia, a partir do meio-dia. A chegada à Praia do Anil, no centro do município, está prevista para as 15h30. Com Agência Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm