Banner Águas de Pará de Minas   Banner Facebook

Projeto prevê multa de R$ 46 mil para quem realizar eventos no parque de exposições e não contratar artistas da terra


No ano de 2016 a Câmara Municipal de Pará de Minas aprovou a Lei Municipal 6.008 que dispõe sobre a obrigatoriedade na contratação de artistas paraminenses em todos os eventos a serem realizados no Parque de Exposições Francisco Olivé Diniz.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

O objetivo da legislação é valorizar os cantores e músicos paraminenses. Como as festas populares no parque de exposições atraem bom público, os artistas vêem uma grande oportunidade de mostrar seus trabalhos.

Porém, o vereador Dilhermando Rodrigues Filho (PSDB), autor da proposta, disse durante reunião Ordinária do Legislativo Municipal realizada na noite de 24 de abril, que a norma não foi cumprida na exposição agropecuária realizada em abril deste ano.

Ele reclamou que a lei não foi cumprida e considerou um grande desrespeito com o município e também com os profissionais da música. Acrescentou que analisaria a possibilidade de acionar o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) para penalizar os responsáveis pelo evento, que descumpriram a lei.

Outra ação do vereador foi apresentar nova proposta com previsão de multa para quem não cumprir a lei municipal em eventos futuros a serem realizados no parque de exposições.

O assunto foi retomado durante a reunião Ordinária realizada na noite de segunda-feira, 15 de maio, na Câmara Municipal de Pará de Minas, quando a matéria foi inserida na pauta para ser avaliada pelos vereadores.

Entretanto, o vereador Marcos Aurélio dos Santos (DEM) pediu vistas ao Projeto de Lei 39/2017 que acrescenta critérios para a realização de festas no Parque de Exposições Francisco Olivé Diniz.

A proposta de autoria do vereador Dilhermando Rodrigues Filho (PSDB) prevê multa no valor de R$ 46 mil para os promotores de grandes eventos que não providenciarem a contratação de artistas paraminenses.

Para Marcos Aurélio dos Santos é importante dialogar primeiro com o Sindicato Rural Patronal e Pará de Minas (SRPM) e com os organizadores de eventos de grande porte, antes de tomar uma atitude radical e comprometer a realização das festas:


Marcos Aurélio dos Santos
marcosaureliodossantosmulta

Para debater o assunto, foi agendada para o dia 29 de maio uma reunião no Plenarinho do Legislativo paraminense entre os vereadores e os diretores do Sindicato Rural Patronal para discutir sobre a multa em caso de não cumprimento da lei municipal durante os eventos que não contratarem artistas paraminenses.

Os vereadores realizam mais uma reunião Ordinária na noite desta segunda-feira, 22 de maio, na Câmara Municipal de Pará de Minas, a partir das 18 horas. Todos os cidadãos estão convidados para acompanhar o trabalho no Legislativo paraminense.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm