Banner Águas de Pará de Minas   Prefeitura de Pará de Minas

BC deixou de vender dólares pela primeira vez em um mês


Com menos pressões do mercado internacional, o Banco Central (BC) deixou de vender dólares no mercado futuro na terça (19). Pela primeira vez desde 11 de maio, a autoridade monetária interrompeu os leilões de swap cambial, que têm por objetivo reduzir as pressões sobre a divisa.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Nesta quarta (20), o Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom) reúne-se para decidir o futuro da taxa Selic (juros básicos da economia). Em tese, uma alta nos juros ajudaria a segurar o câmbio, mas o atraso na recuperação da economia e a baixa inflação são os principais fatores levados em conta pela autoridade monetária na hora de decidir os rumos da taxa.

Desde a retomada dos leilões de swap, em meados de maio, o BC injetou US$ 39,6 bilhões a mais do que retirou do mercado financeiro. Somente na semana de 8 a 15 de junho, foram vendidos R$ 24,5 bilhões. Na semana passada, o Banco Central anunciou que poderia leiloar mais US$ 10 bilhões nos próximos dias para conter a alta do dólar, que tem subido por causa de tensões no mercado internacional, como a expectativa de aumentos adicionais de juros nos Estados Unidos, e de incertezas eleitorais no Brasil.

Mesmo sem a atuação do BC no mercado, o dólar comercial fechou próximo da estabilidade, sendo vendido a R$ 3,744, com alta de 0,12%. No mercado de ações, o dia foi de recuperação. O índice Ibovespa, da Bolsa de Valores de São Paulo, subiu 2,26%, com a maior alta em quatro meses. Com Agência Brasil

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm