Banner Águas de Pará de Minas   Banner Facebook

Morre primeiro paciente com suspeita de febre amarela em Maricá

O primeiro paciente com suspeita de febre amarela em Maricá, município da região metropolitana do Rio de Janeiro, morreu nesta madrugada, no Hospital Evandro Chagas, da Fundação Instituto Oswaldo Cruz (Fiocruz), na capital, para onde havia sido transferido nesta terça (18).

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Morador do bairro Bananal, na zona rural de Maricá, o paciente estava internado na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Inoã, com quadro suspeito de febre amarela transmitida pelo vetor silvestre da doença. Segundo informou nesta quarta (19) a prefeitura de Maricá, amostras de sangue foram colhidas antes da remoção do paciente e enviadas ao Laboratório Central de Saúde Pública do Rio de Janeiro (Lacen), do estado, e ao laboratório da Fiocruz, que faz a testagem específica para a febre amarela. O caso é considerado suspeito da doença até que os resultados dos exames sejam conhecidos.

A prefeitura de Maricá começou hoje uma vacinação de bloqueio nas áreas rurais próximas ao bairro onde o paciente vivia. A medida integra o protocolo de atuação da Secretaria de Saúde local. Por causa da suspeita de morte por febre amarela, a proteção será intensificada em oito bairros rurais: Espraiado, Jaconé, Ponta Negra, Bambuí, Bananal, Manoel Ribeiro, Marinelândia e Guaratiba.

Além disso, será manida a vacinação no posto central da cidade, com prioridade para pessoas que estejam em deslocamento para áreas de endemia.

Os casos de febre amarela confirmados no Rio de Janeiro e nos demais estados do país estão sendo transmitidos pelo vetor silvestre da doença, sem registros de transmissão urbana até agora.

Boletim
Em todo o estado do Rio de Janeiro, 10 casos de febre amarela foram confirmados este ano, sete deles no município de Casimiro de Abreu, com uma morte. Os outros três ocorreram em São Fidélis, São Pedro da Aldeia e Porciúncula, também com uma morte, de acordo com o boletim epidemiológico divulgado nessa terça-feira pela Subsecretaria de Vigilância em Saúde da Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro.

Em duas localidades do estado foram confirmados casos de febre amarela em macacos: São Sebastião do Alto e Campos dos Goytacazes. Com Agência Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm