Banner Águas de Pará de Minas   Prefeitura de Pará de Minas

HNSC só com as portas abertas não atende necessidades do município, diz secretário de Saúde


A eterna crise do Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC) continua sendo discutida pelas autoridades paraminenses. O problema vem ficando cada vez mais sério e preocupante ao longo dos últimos anos.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

A conta da área da saúde nunca fecha porque a tabela do Sistema Único de Saúde (SUS) está defasada há muitos anos e não cobre o crescente aumento dos custos com cirurgias, medicamentos, internações, entre outros.

De acordo com a diretoria da entidade, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) vem atrasando os repasses da chamada Rede-Resposta que é responsável por manter os plantões no pronto socorro do único hospital de Pará de Minas.

Enquanto isso, continuam as negociações com a Secretaria Municipal de Saúde, que garante estar enviando rigorosamente os R$ 170 mil mensais como verba de subvenção para a instituição de saúde.

Porém, o poder público municipal quer algumas garantias e retorno dos investimentos financeiros que são feitos. Paulo Duarte, secretário municipal de Cultura, Comunicação Institucional, Esportes, Lazer e Turismo, e interino da Saúde, frisa a importância de gerenciar bem o dinheiro público.

Ele afirma que o HNSC precisa apresentar detalhadamente quais os serviços que estão sendo prestados aos usuários do SUS. Deixa claro que não adianta apenas manter as portas do hospital abertas:


Paulo Duarte
hnscpauloduarte1

Garante que estão sendo contratados serviços de saúde do HNSC. Deixa claro que é preciso definir como serão gastos os recursos com as cirurgias eletivas, por exemplo. Tudo é levado em conta para controle dos gastos:

Paulo Duarte
hnscpauloduarte2

O secretário explica que é preciso ficar claro como é o fluxo do atendimento realizado pelo hospital. Isso para evitar que o dinheiro apenas abra as portas do HNSC e outros serviços terão que ser pagos:

Paulo Duarte
hnscpauloduarte3

A demanda mais urgente é em relação à fila de espera das cirurgias eletivas. São mais de 1.500 pessoas precisando de um procedimento cirúrgico pelo SUS em Pará de Minas, como informa o secretário municipal de Saúde:

Paulo Duarte
hnscpauloduarte4

Nesta terça-feira (18) a reportagem do Portal GRNEWS não conseguiu contatar os diretores do HNSC para ouvir a versão da instituição de saúde das questões abordadas pelo secretário municipal de Saúde.

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm