Banner Águas de Pará de Minas   Prefeitura de Pará de Minas

Mensalão Mineiro: Marcos Valério condenado a 16 anos de prisão


A Justiça de Minas Gerais condenou o publicitário Marcos Valério a 16 anos e 9 meses pelos crimes de lavagem de dinheiro e peculato pelo desvio de R$ 3,5 milhões de estatais mineiras, em 1998, durante a campanha à reeleição do ex-governador de Minas Eduardo Azeredo. Os sócios de Valério, Cristiano Paz e Ramon Hollerbach, também foram condenados no processo a mesma pena. O processo se refere ao chamado Mensalão Mineiro.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

De acordo com decisão da juíza Lucimeire Rocha, da 9ª Vara Criminal de Belo Horizonte, assinada na sexta-feira (15), os condenados participaram do esquema de corrupção que desviou recursos da Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa), da Companhia Mineradora de Minas Gerais (Comig) e do antigo banco estatal Bemge. Os fatos ficaram conhecidos como “mensalão mineiro”.

Para a magistrada, a empresa de publicidade SMP&B, que pertenceu aos acusados, dava aparência da legalidade aos recursos que eram repassados à campanha eleitoral, por meio de patrocínios de eventos esportivos.

Devido aos mesmos fatos, Eduardo Azeredo está preso para cumprir 20 anos de pena pelos crimes de peculato e lavagem de dinheiro. Marcos Valério e os sócios também foram condenados Ação Penal 470, o processo do mensalão, em 2013. Somente Valério continua preso. Ele foi condenado a 37 anos de reclusão.

A defesa dos acusados informou que vai recorrer da decisão. Com Agência Brasil

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm