Banner Águas de Pará de Minas   Prefeitura de Pará de Minas

Paralisação geral dos servidores da Educação pressiona governo de MG a pagar salários em dia


Os professores da rede estadual de ensino deflagraram mais uma greve nesta quarta-feira, 16 de maio. Em Pará de Minas foi promovida uma manifestação nas principais ruas do centro da cidade.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter


Os profissionais da educação vestiram roupas pretas e utilizaram apitos para chamar a atenção de toda a população. O objetivo é mostra a indignação da categoria com a postura adotada pelo governador Fernando Pimentel (PT).

A concentração aconteceu na porta da Escola Estadual Governador Valadares. A caminhada teve início na praça Delfim Moreira e seguiu pela rua Benedito Valadares e por outras vias da área central.


De acordo com os servidores públicos, o governo de Minas Gerais está atrasando o pagamento dos salários e parcelamento o décimo-terceiro. A categoria está revoltada com tanto descaso com os trabalhadores.

De acordo com informações da subsede do Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação (Sind-UTE), estão paralisadas escolas de Pará de Minas, Florestal, São José da Varginha, Maravilhas e Papagaios.


Para Leandro Júnior da Silva, professor de Matemática, a situação vem se agravando cada vez mais e chegou a um patamar insustentável. Os salários deveriam ser pagos hoje e só será liberado na próxima sexta-feira (18):


Leandro Júnior da Silva
paralisacaoleandrojunior

A professora Carita Esteves Nogueira Chaves também não está nada satisfeita com o governo estadual. Segundo ela, as cobranças dos educadores são cada vez maiores enquanto os direitos da classe não são respeitados:


Carita Esteves Nogueira Chaves
paralisacaocaritanogueira

Um ato unificado em frente ao Palácio da Liberdade foi realizado nesta quarta-feira (16). O Sind-UTE já ajuizou ação para obrigar o Estado a pagar os salários no 5º dia útil. Agora é preciso aguardar a decisão.

Os professores estão em estado de greve e com isso existem condições de convocação de mobilização e paralisações de acordo com a necessidade. A paralisação geral continuará até o pagamento da primeira parcela dos salários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm