Banner Águas de Pará de Minas   Banner Facebook

Profissionais da Educação promovem manifestação contra a Reforma da Previdência. Imagens e vídeo


Na manhã desta quarta-feira, 15 de março, segundo estimativas, aproximadamente trezentos profissionais da área da educação que atuam em Pará de Minas realizaram manifestação pacífica na região central da cidade. A concentração começou na praça Padre José Pereira Coelho.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Em seguida os manifestantes seguiram pela rua Benedito Valadares com faixas e cartazes contendo frases de repúdio a Reforma da Previdência Social que está sendo discutida na Câmara dos Deputados, em Brasília.

Alguns trabalhadores levaram a bandeira do Brasil e pintaram o rosto. Outros levaram panelas e fizeram o chamado panelaço contra as propostas perversas do governo do presidente Michel Temer (PMDB-SP).

Os profissionais da educação gritaram palavras de ordem e mostraram toda a indignação com o aumento do tempo de contribuição, alteração da idade mínima da aposentadoria para 65 anos, entre outras mudanças.

A professora aposentada Edna Imaculada de Souza disse que a reforma da Previdência Social veio para escravizar a classe trabalhadora. A luta é contra os rombos provocados pela corrupção que se alastrou pela classe política:

Edna Imaculada de Souza
ednaimaculada_prev

Lúcia Helena Ferreira está desempregada e foi às ruas para participar da manifestação. Ela ressalta que não adianta a população brasileira ficar resmungando sem demonstrar a insatisfação com o governo:

Lúcia Helena Ferreira
luciaelena_prev

Ronildes Alves, servidora pública da Superintendência Regional de Ensino (SRE) salientou que os protestos envolvem todos os servidores da área da educação. A união de forças visa preservar os direitos dos trabalhadores:

Ronildes Alves
ronildesalves_prev

A estudante Sabrina Michele Silva Soares acredita que grande parte da população ainda não se conscientizou da importância de cobrar uma reforma mais justa para todos os trabalhadores brasileiros:

Sabrina Michele Silva Soares
sabrinamichele_prev

Os manifestantes foram até o escritório do deputado federal Eduardo Barbosa (PSDB), localizado na rua Melo Sobrinho, 55, Centro. Eles pediram uma reunião com o parlamentar para conversar sobre o projeto da Previdência Social.

Os manifestantes foram recebidos por Daniel Fioravante Barbosa, coordenador do gabinete. Ele informou que nesta quarta-feira, 15 de março, o deputado está em Brasília. Porém, ele está aberto à apresentação das propostas da categoria:

Daniel Fioravante Barbosa
danielbarbosa_prev1

Informou ainda que o deputado federal Eduardo Barbosa recebeu alguns sindicatos de trabalhadores e outras entidades de classe. O parlamentar paraminense não é a favor do texto original da proposta e já apresentou emenda:

Daniel Fioravante Barbosa
danielbarbosa_prev2


Em Belo Horizonte as manifestações resultaram no fechamento de escolas, postos de saúde e metrô. Também não funcionaram alguns setores administrativos da prefeitura, entre eles a limpeza urbana.

Algumas rodovias foram interditadas pelo Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST). Agentes penitenciários paralisaram as atividades em algumas penitenciárias de Minas Gerais.

A partir desta quarta-feira (15) os professores e demais servidores da rede estadual de ensino iniciaram uma greve geral encabeçada pelo (Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação (SIND-UTE).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm