Banner Águas de Pará de Minas   Banner Facebook

Em balanço, Eunício diz que vai agir com diálogo sobre MP da reforma trabalhista

Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Após uma semana agitada com a votação da reforma trabalhista, o Senado já entra em clima de recesso. Oficialmente, as férias dos parlamentares começam na próxima terça-feira (18) e vão até o dia 31 julho. No entanto, a votação, em sessão do Congresso, da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2018 nesta quinta (13) abriu caminho para que senadores e deputados antecipassem o recesso. O presidente do Senado, Eunício Oliveira, fez um balanço das votações no primeiro semestre deste ano. E adiantou que um dos desafios para os próximos seis meses será a votação da Medida Provisória sobre a reforma trabalhista.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Segundo a Secretaria-Geral da Mesa do Senado, no primeiro semestre deste ano, foram realizadas 104 sessões plenárias e aprovadas 96 matérias. Na lista há, por exemplo, 33 projetos de decreto legislativo, 28 projetos de lei da Câmara, 17 medidas provisórias e duas propostas de emenda à Constituição.

Em entrevista à TV Senado, o presidente da Casa, Eunício Oliveira, fez um balanço dos seis meses de trabalho. “Nesse momento que o país enfrenta enorme dificuldade na sua economia, a aprovação da reforma trabalhista abre a possibilidade de criarmos mais empregos tão necessários à população”, disse sobre a aprovação da proposta, que já foi sancionada pelo presidente Michel Temer, tornando-se lei e entrará em vigor em quatro meses.

Além da aprovação da reforma trabalhista, Eunício destacou a criação do Cartão Reforma, que permite a famílias de baixa renda construir e reformar as casas, e as propostas de liberação dos saques das contas inativas do FGTS e a convalidação dos incentivos fiscais que acaba com a guerra fiscal entre os estados.

Cearense, o presidente do Senado também ressaltou a liberação de R$ 517 milhões para conclusão da última etapa da obra de transposição do Rio São Francisco.

Próximo semestre
Para o próximo semestre, um dos desafios será a análise de medida provisória que trata de pontos polêmicos da reforma trabalhista como o trabalho intermitente, a jornada de 12 horas por 36 horas e o trabalho em condições insalubres das gestantes e lactantes, Eunício Oliveira prometeu agir “com serenidade, disposição e diálogo”.

Após sancionar a reforma, sem vetos, o presidente Temer enviou aos parlamentares uma minuta da medida provisória com os pontos que pretende alterar a reforma trabalhista. A minuta toca em dez pontos da reforma, entre eles temas polêmicos que foram discutidos durante a tramitação da proposta no Congresso. A MP faz parte de um acordo do governo com a base aliada para agilizar o andamento da reforma no Senado.

Segundo o líder do governo, senador Romero Jucá (PMDB-RO) e relator da reforma na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), não há prazo definido para a conclusão da MP. Com Agência Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm