Banner Águas de Pará de Minas   Banner Fapam

Confiança do empresário aumenta, diz FecomercioSP

A confiança do empresário no futuro aumentou 4,9%, em novembro, na comparação com outubro, atingindo 86,8 pontos. É a maior pontuação desde fevereiro de 2015, na comparação com o mesmo mês do ano passado, quando o indicador apontou 68,9 pontos.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Houve crescimento de 26%, de acordo com o Índice de Expansão do Comércio (IEC), pesquisa realizada mensalmente pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP). Mesmo com a recuperação, o indicador se mantém há 22 meses abaixo dos 100 pontos.

Segundo a assessoria econômica da FecomercioSP, ao longo dos últimos meses o grau de incertezas reduziu, e o encaminhamento das reformas e da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) do Teto de Gastos mostrou que o país está readquirindo condições de governabilidade.

“Isso eleva a confiança de empresários na economia e tende a fazê-los pensar em investir. Por conta disso, os empresários, analistas e investidores nacionais e estrangeiros estão, lentamente, voltando a colocar o Brasil entre suas opções de investimento”, disse a entidade.

De acordo com a pesquisa, o crescimento do IEC em novembro foi impulsionado pelo índice Expectativa para Contratação de Funcionários, que registrou alta de 4,3% na comparação com outubro e atingiu 110,4 pontos. No nível de investimento das empresas houve crescimento de 6% em relação a outubro, ao passar de 59,7 para 63,3 pontos.

Na avaliação da FecomercioSP, o crescimento do indicador de intenção de contratação é um excelente sinal para o cenário do mercado de trabalho.

“No ano passado, houve perda de 1,7 milhão de postos de trabalho, cerca de 700 mil apenas em dezembro. Neste ano, projeta-se a eliminação de 1,2 milhão de postos, com um comportamento em dezembro muito menos negativo do que há um ano”, idestacou a federação

Segundo a FecomercioSP, ao longo de 2016 houve um crescimento maior da propensão a contratar do que a investir, decorrente do fato de que as empresas do varejo ainda não pensam em expansão. “

Antes de retomar projetos de ampliação e modernização das empresas, os empresários vão aguardar um pouco mais, para se certificarem que estão pisando em terra firme. Enquanto isso, podem ampliar as vendas e avançar nos negócios apenas contratando um pouco mais. Isso já é algo positivo diante do quadro de desemprego após três anos de crise intensa”, disse a entidade. Com Agência Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm