Banner Águas de Pará de Minas   Banner Facebook

Claudia Raia estreia em São Paulo musical “Cantando na Chuva”

Caio Gallucci

Inspirado no clássico do cinema norte-americano de 1952, chega neste sábado (12), a São Paulo o musical “Cantando na Chuva”. Os papéis icônicos interpretados por Gene Kelly e Jean Hagen agora ganham vida através de Jarbas Homem de Mello e Claudia Raia. A atriz, considerada a principal estrela do teatro musical brasileiro, é uma das produtoras do espetáculo, que ficará em cartaz até o final do ano no Teatro Santander (Shopping JK).

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

A história se passa nos idos de 1920 em plena Hollywood. Os atores Don Lockwood (Jarbas Homem de Mello) e Lina Lamont (Claudia Raia) são as estrelas da época, o casal preferido da indústria cinematográfica. Sucesso entre o público, os dois são os queridinhos da mídia, que aposta num relacionamento mais íntimo entre eles, algo que jamais existiu.

O sucesso do casal, entretanto, é abalado com a transição do cinema mudo para o falado, que logo se torna a sensação do mercado. Dispostos a não perder o que conquistaram, Don e Lina se veem obrigados a produzirem um filme para atender às expectativas da época. Juntos, eles precisam superar as dificuldades que essa “nova interpretação” representa para os dois, e assim se manterem no topo. Nesse processo, entram duas figuras importantes para o sucesso da investida do casal: Kathy Selden (Bruna Guerin) e Cosmo Brown (Reiner Tenente).

A direção do musical está a cargo do americano Fred Hanson, conhecido por seus trabalhos em “Miss Saigon”, “Les Misérables (EUA)” e “O médico e monstro”. “Para os fãs do filme, eu diria que eles verão seus momentos favoritos no palco, com o mesmo tom, felicidade, humor, dança e música do filme. Mas tudo isso sendo vivenciado bem de perto”, explica o diretor.

“Cantando na Chuva” recebe todos os cuidados dignos da superprodução que é. Para a lendária cena em que Don Lockwood sapateia na chuva, o teatro ganhou dois tanques, com capacidade total para mais de oito mil litros de água, que produzirão o efeito da chuva. O palco do Teatro Santander também foi adaptado para receber um sistema de filtragem da água e outro de aquecimento, que manterá a temperatura em 29° C. Uma rede de drenagem com bombas fará a receptação para reutilização da água, evitando qualquer desperdício. Do assento, o público assistirá de perto à magia de uma das cenas mais marcantes do cinema.

Para as audições, realizadas em março, a produção recebeu 1200 currículos e pré-selecionou 300 candidatos. “Fizemos uma série de testes ao longo de uma semana. Vimos as mesmas pessoas mais de uma vez para realmente entender bem as habilidades delas. É um espetáculo difícil nesse sentido, porque tem sapateado, dança tipo jazz da Broadway, canto, interpretação e, claro, perfil da personagem. E não é fácil reunir todos esses quesitos, compor um grupo que supra todas as necessidades criativas do espetáculo”, explica Fred. Trinta artistas e uma orquestra com 14 músicos integram o elenco de “Cantando na Chuva”.

“Em ‘Cantando na Chuva’, as músicas e as coreografias são a alma do espetáculo. O público pode ir preparado para se emocionar ao som dos grandes clássicos do filme original adaptados para o português”, diz Claudia Raia. Ao todo são 15 canções, versões das músicas originais do filme, feitas por Mariana Elisabetsky e Victor Mühlethaler, entre elas “Make Them Laugh”, “Good Morning” e, é claro, “Singing in the Rain”. A direção musical é de Carlos Bauzys. Com Portal Sucesso

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm