Banner Águas de Pará de Minas   Banner Facebook

PT promete fazer oposição firme a provável governo Temer

parlamentares_pt
Com a rejeição do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Teori Zavascki, ao pedido feito pela Advocacia-Geral da União (AGU) para que fosse suspensa a validade da autorização concedida pela Câmara para a abertura do processo de impeachment contra a presidenta Dilma Rousseff por crime de responsabilidade, deputados governistas já fazem projeções sobre como atuarão na oposição, caso se confirmem o afastamento da presidenta Dilma Rousseff e o início do governo interino do vice-presidente Michel Temer. Apesar de mais esta derrota no STF, os governistas prometem mais recursos junto à Corte.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

“Eu lamento a decisão do ministro Teori, mas sabíamos que seria uma decisão difícil de ser diferente. Mas vamos analisar e recorrer novamente ao STF porque acreditamos haver espaço para revertermos essa situação. Nós sabemos ser justo o STF dar a liminar pedida pela AGU porque houve desvio de finalidade praticado por Eduardo Cunha [ex-presidente da Câmara]. Não existiria impeachment se ele não estivesse na presidência da Câmara”, disse hoje (11) o senador Lindbergh Farias (PT-RJ), momentos após receber a notícia da decisão de Teori.

“Agora é nos prepararmos para fazer uma oposição duríssima nos próximos dias, caso se confirme o resultado no Senado. Até porque nós não reconhecemos Temer como presidente. É um governo fruto de um golpe, e não vamos aceitar que ele tire direitos dos trabalhadores com esse pacote que está vindo para acabar com o legado de Lula, Ulysses Guimarães e Getúlio Vargas”, afirmou.

Oposição firme
O senador Humberto Costa (PT-PE) disse que, sendo aprovado o afastamento de Dilma, não restará ao PT outro caminho que não a oposição. “Será uma oposição muito firme, que vai permanentemente denunciar o golpe que está sendo perpetrado contra a democracia no Brasil”, disse ele. “Mas seremos uma oposição que não repetirá o que a atual oposição nos fez, com o PSDB e o DEM apostando no quanto pior melhor e patrocinando as chamadas pautas bombas para gerar desequilíbrio fiscal e orçamentário em nosso país, inclusive, se associando ao corporativismo mais atrasado, para criar dificuldades para o governo e para o Brasil”, acrescentou.

O senador Álvaro Dias (PV-PR) disse não ter se surpreendido com a decisão do STF. “Esperávamos essa decisão porque não poderia ser outra. O STF tem sido correto, acautelando-se em relação à invasão de competências. Só se pronuncia quando convocado por saber que é prerrogativa do Senado o julgamento da presidente por crime de responsabilidade”, disse.

Segundo o senador paranaense, o STF tem respeitado todas questões e questionamentos. “Portanto, está avalizando todos procedimentos como corretos, legais e legítimos. Se acioná-lo novamente, o governo continuará perdendo, É o que chamam no jargão futebolístico de tentar ganhar no tapetão.” Com Agência Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm