Banner Águas de Pará de Minas   Prefeitura de Pará de Minas

Deputados debatem ativação da malha ferroviária em Minas Gerais

Willian Dias

Com o objetivo de discutir a ampliação e a ativação da malha ferroviária em Minas Gerais, a Comissão Extraordinária Pró-Ferrovias Mineiras da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) já aprovou a realização de audiências no interior do Estado e na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH). A comissão realizou na  quinta-feira (7) sua primeira reunião ordinária.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

O deputado Gil Pereira (PP) pediu a realização de cinco audiências públicas para debater a ampliação da Ferrovia Centro Atlântica no Norte de Minas e a reativação do transporte de passageiros. As audiências devem acontecer nos municípios de Montes Claros, Pirapora, Bocaiúva, Monte Azul e Janaúba, todos no Norte de Minas.

Já o deputado Doutor Jean Freire (PT) apresentou requerimento para a realização de audiência pública com o objetivo de discutir a desativação da ferrovia Bahia-Minas, o impacto dessa medida nas regiões do Vale do Mucuri e Jequitinhonha e a possibilidade de sua reconstrução.

As deputadas Marília Campos (PT) e Ione Pinheiro (DEM) solicitaram a realização de audiência pública para discutir a situação do modal ferroviário na RMBH. Já o deputado Dalmo Ribeiro Silva (PSDB) pediu uma audiência em Itajubá para debater o modal ferroviário no Sul de Minas.

Objetivos
A Comissão Pró-Ferrovias Mineiras foi criada por decisão da Mesa da Assembleia e tem como objetivos fomentar debates sobre as potencialidades do transporte ferroviário de cargas e de passageiros e discutir possibilidades de investimento, bem como seus impactos.

Os deputados da comissão também pretendem ampliar a discussão em torno da renovação das concessões ferroviárias e suas contrapartidas necessárias, promover ações que visem à recuperação e à ampliação da malha ferroviária do Estado e combater o descaso com o patrimônio ferroviário de caráter histórico.

Investimentos nas ferrovias devem ser retomados
Os deputados presentes na reunião destacaram a importância de retomada dos investimentos para a reativação e construção de linhas ferroviárias em Minas Gerais. O presidente da comissão, deputado João Leite (PSDB), lembrou as dificuldades enfrentadas pelo País com a greve dos caminhoneiros, que demostrou a necessidade de a ampliação do transporte ferroviário voltar a ser discutida em Minas Gerais.

O vice-presidente da comissão, deputado Roberto Andrade (PSB), considerou que as estradas brasileiras não acompanharam o crescimento do País e não suportam o volume de tráfego, sendo necessário investir na malha ferroviária para transporte de cargas e passageiros.

A deputada Marília Campos apontou que já há uma ligação ferroviária entre vários municípios da RMBH e defendeu que seja utilizada para o transporte de passageiros, além do de cargas. A deputada Ione Pinheiro considerou que há décadas não são vistos investimentos no transporte ferroviário, sendo que a comissão pode ajudar na construção de boas propostas para os próximos governantes do Estado e do País.

O deputado Doutor Jean Freire lamentou a situação de abandono de muitas linhas ferroviárias em Minas Gerais. Dalmo Ribeiro Silva destacou que a comissão será um espaço importante para a construção de soluções para a retomada dos investimentos nas ferrovias mineiras.

Decisão da Mesa
Ao criar a comissão, a Mesa da Assembleia considerou ser imprescindível o investimento em infraestrutura para a retomada do crescimento econômico e, ainda, a necessidade de superação dos problemas de mobilidade e de logística, evidenciados pela greve dos caminhoneiros.

O contexto de renovação antecipada das concessões da malha ferroviária, em curso pelo governo federal, também foi decisivo para a criação da comissão da ALMG. A expectativa é de que seja possível aprimorar o transporte de carga e de passageiros por meio da recuperação e da ampliação da malha do Estado.

Outros fatores que influenciaram a decisão foram a existência de estrutura ferroviária subutilizada ou abandonada em diversos pontos de Minas, bem como a importância econômica, histórica e sociocultural desse patrimônio público. Com informações da Assessoria de Comunicação da ALMG.

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm