Banner Águas de Pará de Minas   Banner Facebook

Seleção brasileira segue invicta na Liga Mundial

voleiligamund
As duas primeiras etapas da Liga Mundial foram de sucesso para a seleção brasileira masculina de vôlei. A equipe dirigida pelo técnico Rubinho bateu a Austrália, nesse domingo (07.06), por 3 sets a 0 (31/29, 25/19 e 25/19 ), em 1h39 de jogo realizado no ginásio Adib Moysés Dib, em São Bernardo do Campo (SP). Nos três primeiros confrontos, o Brasil venceu a Sérvia por 3 sets a 2 e 3 a 1, e a Austrália por 3 a 1.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook     Siga o Portal GRNEWS no twitter

Maior pontuador do jogo de hoje, com 20 acertos, o ponteiro Lucarelli comemorou o bom resultado. “Fizemos um primeiro set muito bom. Nos outros dois, a vantagem foi um pouco mais larga e isso mostrou que foi ainda melhor. Vencer de 3 sets a 0 é sempre muito bom, já que dá uma confiança a mais para a equipe. O nosso passe funcionou bem, conseguimos administrar o saque deles e, com os nossos bons atacantes, a virada de bola funcionou bem”, disse Lucarelli.

O líbero Serginho falou sobre a troca de jogadores que aconteceu ao longo dos quatro jogos no Brasil. “É importante esse revezamento para que todos ganhem ritmo. Demos oportunidade para os mais jovens e é bom fazer esse rodízio. Fico contente de ver a evolução dos outros líberos, já que o Tiago e o Felipe entraram bem quando jogaram. Hoje, foi uma vitória muito importante e estamos felizes”, afirmou Serginho.

O técnico Rubinho avaliou o jogo de hoje e a série de partidas realizadas em casa, nas duas primeiras rodadas da Liga Mundial.

“Acho que o conjunto foi bom. Passamos bem, o Raphael fez uma boa partida, trabalhou bem o Wallace e com os homens de meio. Os meios se apresentaram bem e o sistema como um todo funcionou bem. Até pelo perfil da equipe que estava em quadra, conseguimos manter um volume de ataque alto mesmo com o passe fora da rede. A equipe conseguiu ser eficiente nessa proposta. Fizemos um jogo consistente e acredito que o saldo desses quatro jogos no Brasil é bastante positivo, principalmente em termos dado tempo e rodagem aos atletas”, analisou o treinador do Brasil.

Agora, a seleção deixa o Brasil e segue para a Sérvia, onde fará duas partidas na próxima semana, nos dias 12 e 14 de junho.

O JOGO

O Brasil começou bem e, no contra-ataque de Lucas Lóh, fez 3/0. No ace de Lucão, a equipe da casa chegou a 8/4. A seleção brasileira marcou mais um (9/4) e a Austrália pediu tempo. No bloqueio individual de Isac, o placar foi para 11/5. Os australianos buscaram e aproximaram no placar em 14/12. O jogo ganhou ainda maior equilíbrio em 16/15. No lance seguinte, com ponto de saque, o time visitante deixou tudo igual (16/16). Mais um empate em 20 pontos deixou a reta final do set emocionante, assim como em 24/24. A disputa seguiu ponto a ponto com muitos erros de saque do Brasil. Quando o placar mostrava 29/29, Rubinho pediu tempo. No ponto de saque de Raphael, o Brasil fechou em 31/29.

O segundo set começou favorável a Austrália, que abriu 3/0. O Brasil buscou e, com Lucarelli, deixou tudo igual em 3/3. A parcial seguiu com equilíbrio e bem disputada pelas equipes, que empataram em 7/7. No bloqueio individual de Wallace, a equipe brasileira assumiu o comando do set em 12/11. A partir deste momento, o time da casa reagiu e com ponto de saque de Wallace chegou a 14/11. O domínio da parcial se manteve com o Brasil (17/13). O time da casa não deu chances do adversário e fechou em 25/19.

O Brasil abriu ampla vantagem logo no começo do terceiro set, quando, no ponto de bloqueio, chegou a 7/1. Em combinação de jogada de Rapahel com Lucão, a equipe da casa fez 10/4. A diferença foi mantida quando Wallace atacou e levou a seleção brasileira a 13/7. A Austrália passou a pontuar mais e o marcador foi para 17/14. Com ponto de saque de Isac, o Brasil marcou 20/15 e o adversário pediu tempo. A parada não surtiu efeito e a seleção da casa se manteve a frente no placar. No final, vitória brasileira por 25/19.

EQUIPES

BRASIL – Raphael, Wallace, Lucão, Isac, Lucarelli e Lucas Lóh. Líbero – Serginho
Entraram – William, Evandro, Tiago Brendle
Técnico: Rubinho

AUSTRÁLIA – Guymer, Sanderson, Edgar, Bell, Mote e Walker. Líbero – Perry
Entraram: Roberts, Sukochev e Williams
Técnico: Roberto Santilli
Com site da CBV

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm