Banner Águas de Pará de Minas   Banner Facebook

Lava Jato denuncia Marcelo Odebrecht, Gim Argello, Marcos Valério e mais 16

marcelo_odebrecht191015
O Ministério Público Federal denunciou hoje (5) o ex-senador Gim Argello (PTB-DF) e o empreiteiro Marcelo Odebrecht, além de Ricardo Pessoa, dono da construtora UTC, e Léo Pinheiro, presidente da empreiteira OAS, todos por corrupção.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

A força-tarefa da Operação Lava Jato denunciou também mais 16 pessoas, como o publicitário Marcos Valério, condenado no mensalão, e o empresário Ronan Maria Pinto, dono do jornal Diário do Grande ABC.

De acordo com o Ministério Público, os acusados cometeram crimes de lavagem de dinheiro, corrupção ativa e passiva, organização criminosa e obstrução à investigação.

Os procuradores pedem o confisco de R$ 7,5 milhões e 200 mil euros, além da aplicação de multa de R$ 70 milhões, correspondente ao dobro do total de propina. Segundo o procurador Deltan Dallagnol, coordenador da força-tarefa, o valor envolvido na corrupção das duas acusações de hoje é R$ 30 milhões.

Petrobras
A denúncia contra Gim Argello, Marcelo Odebrecht, Ricardo Pessoa e Léo Pinheiro aponta que o ex-senador, em parceria com dirigentes das empreiteiras envolvidas no esquema corrupção na Petrobras, acertaram vantagens indevidas.

Entre os meses de abril e dezembro de 2014, houve pagamento de propina para obstruir os trabalhos das comissões parlamentares de inquérito instauradas (CPIs) no Senado e na Câmara dos Deputados.

As CPIs foram abertas para apurar atos ilícitos cometidos contra a petroleira e, conforme se constatou, houve o acerto de pagamento de propina para evitar a convocação de empreiteiros para prestarem depoimento.

Argello era membro da CPI do Senado e vice-presidente da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito, formada por deputados e senadores. A ideia era cobrar R$ 5 milhões de cada uma das empreiteiras envolvidas.

As investigações apontaram o acerto com quatro empreiteiras: UTC, OAS, Toyo Setal e Odebrecht. Argello pediu propina também às empresas Andrade Gutierrez, Engevix e Camargo Côrrea, que não aceitaram o pedido.

A denúncia envolve Gim Argello e seu filho Jorge Afonso Argello Junior; Paulo Cesar Roxo Ramos, Valério Neves Campos e José Adelmário Pinheiro Filho (Léo Pinheiro); Roberto Zardi Ferreira, Dilson Cerqueira de Paiva Filho e Ricardo Ribeiro Pessoa; Walmir Pinheiro Santana, Marcelo Bahia Odebrecht e Claudio Melo Filho.

Diário do Grande ABC
O dono do jornal Diário do Grande ABC, Ronan Maria Pinto, responderá por lavagem de dinheiro. A denúncia envolve R$ 6 milhões, provenientes de um empréstimo fraudulento no Banco Schahin.

O valor representa a metade do total de R$ 12 milhões repassados pela instituição financeira a José Carlos Bumlai, que seria o interlocutor do Partido dos Trabalhadores (PT), em outubro de 2004.

O empréstimo foi alvo de acusação feita pelo MPF em dezembro do ano passado. A denúncia apresentada agora é um desdobramento dos fatos apurados naquela época.

De acordo com as investigações, foi constatado que os R$ 6 milhões foram destinados a Ronan Maria Pinto. Para entregar o dinheiro, foi estruturado um esquema criminoso que, entre os meses de outubro e novembro de 2004, contou com a participação de pessoas ligadas ao PT e terceiros envolvidos na operação de lavagem do dinheiro.

Além de Ronan Maria Pinto, estão na segunda denúncia Sandro Tordin, Marcos Valério Fernandes de Souza e Enivaldo Quadrado; Luiz Carlos Casante, Breno Altman e Natalino Bertin; Oswaldo Rodrigues Vieira Filho e Delúbio Soares de Castro. Com Agência Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm