Banner Águas de Pará de Minas   Prefeitura de Pará de Minas

Redução da alíquota do ICMS sobre combustíveis em MG vira queda de braço na ALMG


Em fevereiro deste ano o governo de Minas Gerais aumentou o valor de referência sobre o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS). Isso reajustou o montante fixo do tributo recolhido por litro de combustível.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

O preço do litro da gasolina comum ficou R$ 0,08 mais caro na bomba, e o do etanol teve acréscimo de R$ 0,04. Apenas o diesel S10 manteve o mesmo preço. O diesel S500 teve um aumento de R$ 0,01.

Foi o segundo aumento de cálculo do ICMS nos combustíveis em 2018, pois no primeiro dia do ano a alíquota do imposto passou de 29% para 31% para a gasolina e de 14% para 16% para o álcool.

E 1º de fevereiro, a Secretaria de Estado da Fazenda mudou o valor de referência do ICMS cobrado sobre os combustíveis. O acréscimo foi de R$ 0,08 nas bombas sobre o preço da gasolina e de R$ 0,04 para o etanol.

O projeto encaminhado pelo governador Fernando Pimentel (PT) foi aprovado pela maioria dos deputados estaduais na Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais (ALMG).

De acordo com o deputado estadual Inácio Franco (PV), o projeto de aumento do ICMS da gasolina em R$ 0,06 foi enviado para o Legislativo no começo do ano passado. Ele votou a favor do aumento do imposto em Minas Gerais. Disse que fez acreditando na promessa de que os recursos seriam destinados à área da saúde.

Agora, Inácio Franco e outros deputados que fazem parte da bancada do Partido Verde estão tentando reduzir a alíquota do ICMS sobre álcool, gás natural veicular e a gasolina com base em outro projeto do governo estadual:


Inácio Franco
icmsinaciofranco1

Segundo o parlamentar, a alíquota do ICMS sobre o óleo diesel em Minas Gerais atualmente é de 15%. A carga tributária é muito alta e o setor de transportes já deu o recado para o governo por meio da paralisação:

Inácio Franco
icmsinaciofranco2

No estado de São Paulo a alíquota do ICMS sob os combustíveis já foi reduzida. Para baixar este índice em Minas Gerais é preciso que a pauta de votação na ALMG seja destrancada. Atualmente os parlamentares analisam um pedido de impeachment do governador:

Inácio Franco
icmsinaciofranco3

A proposta de redução foi apresentada pelo líder do PV, deputado Agostinho Patrus, como emenda ao Projeto de Lei do governo de MG que tramita na ALMG. O texto reduz de 31% para 29% o tributo sobre a gasolina, de 16% para 14% sobre o etanol e de 18% para 12% no caso do gás natural veicular.

Na queda de braço, o deputado estadual Durval Ângelo (PT), líder do governo na ALMG, afirmou esta semana que a proposta é inconstitucional e não tem chances de ser acatada por Fernando Pimentel.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm