Banner Águas de Pará de Minas   Banner Facebook

Agronegócio mineiro apresenta tendência de crescimento em 2016

milho_grao
O PIB do agronegócio mineiro tem expectativa favorável de crescimento para este ano. A projeção é de aumento de 0,78%, alcançando R$ 185,6 bilhões. Já as estimativas para o PIB nacional apontam redução de 3,88%.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

O PIB do agronegócio mineiro representa a soma das riquezas do setor de quatro grupos: produção básica (dentro da porteira), que respondeu por 38,9% do montante; setor de serviços (30,8%), indústria (24,4%), e de insumos (5,9%).

O levantamento foi elaborado pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) da Esalq/USP, encomendado pela Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) e pelo Sistema Faemg (Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais).

Neste primeiro levantamento, dentro do grupo relacionado à produção básica, pecuária e agricultura apresentaram um equilíbrio na composição do PIB. A participação da pecuária correspondeu a 50,2%, totalizando R$ 93,2 bilhões e a agricultura somou R$ 92,4 bilhões (49,8%).

O segmento mineiro vem registrando aumento consistente ao longo dos anos. Acompanhando a série histórica na última década, o PIB do estado cresceu 166,3%. Neste período, também cresceram as exportações do agronegócio. A elevação foi de 70%, saindo de US$ 4,3 bilhões, em 2006, para US$ 7,3 bilhões no ano passado.

Na avaliação do secretário da Agricultura Pecuária e Abastecimento, João Cruz, o resultado é fruto do empreendedorismo do produtor rural, associado à demanda crescente por alimentos em escala mundial. “Estamos colhendo os resultados dos esforços dos produtores na busca pelo conhecimento, tecnologia e inteligência de mercado. Outro reflexo positivo é que o crescimento da oferta de alimentos é fator determinante para amenizar o impacto inflacionário”, analisa.

Diversificação
Para o presidente do Sistema Faemg, Roberto Simões, a diversificação da produção mineira tem garantido a manutenção do crescimento do PIB do agronegócio. “Mesmo quando alguns produtos têm problemas, outros estão em bom momento e seguram os resultados positivos e a renda do produtor rural, especialmente os produtos exportáveis”.

Ele destaca ainda que o dinamismo das cadeias produtivas tem possibilitado o crescimento dos demais segmentos do agronegócio mineiro – insumos cresceu 0,84%, indústria, 1,44% e serviços, 1,75%, no primeiro mês de 2016.

Dentre os produtos que contribuíram para o aumento do PIB mineiro, nos últimos dez anos, destacam-se a batata, que cresceu 110,6% no período; carne suína (+78,7%); carne de frango (+49,9%); carne bovina (+44,9%); soja (+40%); leite (+38%) e milho (+26,4%). Os dados fazem parte dos levantamentos de safra e produção da Conab e IBGE.

De acordo com as análises da Seapa, esse crescimento na produção agropecuária do estado pode se refletir positivamente no segmento da agroindústria, que ocupa o terceiro lugar na formação do PIB do agronegócio mineiro. Minas Gerais é a principal bacia leiteira do país, maior produtor nacional de café e de batata, mantém o segundo maior rebanho bovino, além de estar entre os seis primeiros lugares no ranking nacional de vários produtos, como o milho e a soja. Com Agência Minas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm