Banner Águas de Pará de Minas   Banner Facebook

Governo de MG reassume gestão do terminal rodoviário de Belo Horizonte

rodoviaria_bh
O Terminal Rodoviário Israel Pinheiro, a rodoviária de Belo Horizonte, será reassumido pelo Governo de Minas Gerais, por meio da Companhia de Desenvolvimento Econômico do Estado de Minas Gerais (Codemig), e sua controlada, Prominas, a partir de terça-feira (1º), com o objetivo de realizar novos investimentos e proporcionar maior segurança, mobilidade, conforto e melhoria dos serviços aos usuários. Futuramente, após a construção do novo terminal rodoviário da capital, que está sob a responsabilidade da Prefeitura Municipal, o Terminal Israel Pinheiro já reformado passará a funcionar como terminal metropolitano e continuará a ser gerido pelo Estado.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Em coletiva de imprensa realizada ontem (1º), o presidente da Prominas, Fernando Cabral, e o diretor do Terminal Rodoviário Israel Pinheiro, Luis Felipe Leite Quadros, informaram que a razão da devolução da gestão é o alargamento dos investimentos do Estado.

De acordo Fernando Cabral, a Codemig prevê investimentos de R$ 40 milhões para a reforma total da rodoviária, que atualmente atende cerca de 40 mil usuários por dia que circulam entre viagens para todo o país. O investimento maciço nas obras nos próximos dois anos, além de impulsionar os investimentos do Governo de Minas Gerais, vai trazer inúmeros benefícios à população. O início das obras de ambos os terminais – a nova rodoviária de Belo Horizonte e o futuro terminal metropolitano – estão previstas para janeiro de 2017, e a entrega para o início de 2018.

Com a mudança de gestão, a Prominas vai dar início imediato à etapa de conclusão dos projetos em andamento e ao desenvolvimento dos outros projetos para a reforma.

“A obras incluem – na primeira etapa – a troca do telhado para sanar as goteiras e infiltrações; e a instalação de uma usina fotovoltaica para climatização do ambiente. Em momento seguinte, será feita a instalação de mais 12 câmeras de segurança – sendo que hoje são oito; e também a contratação de 32 vigilantes. A reforma inclui a troca das escadarias por rampas de acesso aos andares; a revitalização completa dos quatro elevadores; e a modernização dos banheiros. O planejamento vai englobar um aumento nos postos de informação; e a modernização do estacionamento para moldes de um estacionamento de shopping, com novas catracas para entrada e saída de veículos e mais conforto; além da construção de uma rampa ligando a rodoviária à estação de metrô”, afirmou o presidente.

Ele informou, ainda, que os locatários do espaço permanecerão os mesmos e que só será modificado o locador, que passará a ser a Prominas. Os valores dos aluguéis não vão sofrer alterações. E todos os equipamentos da prefeitura que funcionavam no terminal vão permanecer ativos.

Segundo o diretor do terminal, Luis Felipe Leite Quadros, a rodoviária, hoje, gera mais arrecadação do que despesa. “A rodoviária é superavitária. Vamos definir qual será o montante a ser investido para estas obras emergenciais no espaço, após a avaliação do equilíbrio entre receita e despesa que já está sendo calculado”, diz.

A área que abriga o Terminal Rodoviário Israel Pinheiro, de Belo Horizonte, pertence ao Estado e estava sob gestão da Prefeitura Municipal em contrato de comodato – em que há um empréstimo convencionado pelas partes – desde 2003. Com Agência Minas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm