Banner Águas de Pará de Minas   Banner Fapam

Saúde apresenta novo método para agentes combaterem à Dengue em Pará de Minas e diz que mutirão é retrabalho


No primeiro dia do mandato do prefeito Elias Diniz (PSD) em Pará de Minas a Secretaria Municipal de Saúde informou que haverá mudanças expressivas no trabalho de combate a Dengue no município.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Serão empregados 55 agentes de endemias e cinco coordenadores. As equipes serão divididas por regiões e atuarão efetivamente no combate ao mosquito Aedes aegypti, transmissor da Dengue, Zika vírus e Febre Chikungunya.


Os servidores serão coordenados pelo gerente de Operações, Adilson José Batista e pelo coordenador de Vigilância em Saúde, Vander da Silva Rodrigues, que retornam ao serviço público municipal. Foi ministrada uma capacitação para todos os trabalhadores informando quais serão os métodos a serem aplicados no combate ao mosquito de agora em diante.

O encontro com os agentes de endemias de Pará de Minas foi realizado na manhã desta segunda-feira (2), no Teatro Municipal Geraldina Campos de Almeida.

Vander da Silva Rodrigues, coordenador de Vigilância em Saúde explica que serão realizados levantamentos para verificar a atual situação do município para que sejam traçadas metas de trabalho. Ele também destacou a importância do apoio da população nessa luta:


Vander da Silva Rodrigues
combateadenguevanderdasilvarodrigues

O prefeito Elias Diniz destacou a importância de trabalhar preventivamente no combate ao vetor da Dengue, Febre Chikungunya e Zika Vírus. Dessa forma é possível evitar o número de casos e uma sobrecarga no atendimento do sistema público de saúde:


Elias Diniz
combateadengueeliasdiniz

De acordo com Gilberto Denoziro, secretário municipal de Saúde, a alteração básica que será realizada é a intensificação na procura e eliminação dos reservatórios de água parada que se transformam em criadouros do inseto.

A grande preocupação continuará sendo a grande quantidade de caixas d’água que estão dentro das residências e não são submetidas a limpeza e higienização adequada para evitar a proliferação do Aedes aegypti:

Gilberto Denoziro
combateadenguegilbertodenoziro1

Sobre a realização dos mutirões de limpeza em diferentes regiões do município, o secretário afirma que esse tipo de ação acaba sendo um retrabalho. O ideal é realizar um trabalho mais efetivo junto à população:


Gilberto Denoziro
combateadenguegilbertodenoziro2

Em relação ao índice de 2,4 registrado pelo último LIRAa (Levantamento de Índice Rápido do Aedes aegypti), registrado em novembro de 2016, ele explica que é preciso ficar alerta.

Os números mostram o potencial de reprodução das larvas que poderão gerar novos mosquitos. Além disso, o Ministério da Saúde pede intensificação no combate ao mosquito Aedes aegypti quando este índice é superior a 1%:

Gilberto Denoziro
combateadenguegilbertodenoziro3

Para a Secretaria Municipal de Saúde os dados relativos aos casos de Dengue em Pará de Minas são preocupantes. Os números comprovam que até novembro de 2016, foram 4.476 notificações casos de Dengue no município, dos quais 4.175 paraminenses foram diagnosticados com a doença, que causou a morte de cinco pessoas na cidade. O LIRAa com índice de 2.49 de infestação, sendo que este percentual não poderia ser superior a 1%. A Secretaria Municipal de Saúde pretende baixar este índice, pois, ele comprova que Pará de Minas tem alto risco de uma epidemia Dengue.

Se para esta administração o índice de 2,49% apontado pelo LIRAa é preocupante, vale lembrar que no começo de 2015 o município de Pará de Minas registrou um índice de 13,5% de focos de Dengue.

Quando o índice do LIRAa baixou de 13,5% para 6,9%, sendo que o ideal preconizado pelo Ministério da Saúde é de menos de 1%, o então secretário municipal de Saúde Cléber de Faria Silva, confirmou oficialmente epidemia de Dengue em Pará de Minas e anunciou a utilização do fumacê, em 23 de fevereiro de 2016.

Posteriormente, em 24 de abril de 2016, a Prefeitura de Pará de Minas lançou um aplicativo para ajudar encontrar focos do mosquito transmissor da Dengue e outras doenças. Resta saber se esta administração utilizará este sistema, uma vez que está propondo um trabalho de campo e manual para acabar com os focos do mosquito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm