Banner Águas de Pará de Minas   Prefeitura de Pará de Minas

Galo bate o Cruzeiro no Horto e está em vantagem na final

Foto: Divulgação/Atlético-MG

O Atlético está em vantagem na decisão do Campeonato Mineiro. Neste domingo, em tarde de festa para a Massa Atleticana, o Galo não tomou conhecimento do Cruzeiro e bateu o rival por 3 a 1, no primeiro clássico da final.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Os gols alvinegros foram de Ricardo Oliveira (2) e Adilson, todos no primeiro tempo e todos com assistência do venezuelano Otero.

O segundo clássico da decisão acontecerá no próximo domingo, às 16h, no Mineirão, e o Atlético poderá até perder por um gol de diferença que ficará com o título.

Antes, o Galo enfrentará o Ferroviário-CE, às 19h30 de quarta-feira (4/4), novamente no Horto, no jogo de dia da 4ª fase da Copa do Brasil.

O JOGO

O Atlético fez a sua primeira tentativa no lançamento de Adilson para Luan e o goleiro Fábio fez a defesa. Em seguida, Patric cruzou pela direita e a defesa rival afastou o perigo.

Otero tentou surpreender o goleiro em chute de longa distância, aos cinco minutos, e a bola saiu à esquerda do gol. EM novo ataque atleticano, Patric recebeu passe de Cazares na área, passou pelo seu marcador e finalizou para fora.

Victor fez boa defesa aos nove minutos, no chute de fora da área de Egídio. Aos 14 minutos, Cazares fez boa jogada na intermediária, arriscou o chute e a bola encobriu o goleiro após desviar em Henrique, mas acabou saindo por cima do gol.

Patri tentou novo cruzamento pela direita, aos 16 minutos, e a bola atravessou a grande área. Logo depois, Ricardo Oliveira entrou na área driblando e foi desarmado.

O Atlético mandava na partida e voltou a levar perigo na conclusão de Cazares, para fora. Aos 23, Otero cobrou escanteio fechado e a zaga fez o corte pelo alto. No ataque seguinte, Ricardo Oliveira arriscou de fora da área, por cima do gol.

Otero voltou a assustar Fábio em mais uma cobrança venenosa de escanteio, mas o goleiro fez a defesa. Aos 30 minutos, Victor defendeu arremate de Thiago Neves.

Aos 36, Elias sofreu falta pela direita, Otero fez a cobrança e Ricardo Oliveira desviou para o gol na pequena área, abrindo a contagem na Arena Independência: Galo 1 x 0.

Dois minutos depois do gol, Ricardo Oliveira recebeu lançamento na área, girou sobre o zagueiro e concluiu para a defesa de Fábio.

A Massa já cantava alto no Horto e, aos 41 minutos, Otero cobrou escanteio pela direita, Adilson desviou de cabeça e a bola passou embaixo das pernas de Fábio: Galo 2 x 0.

Para completar o excelente primeiro tempo, o Atlético fez o terceiro gol novamente com Ricardo Oliveira, que completou de cabeça o cruzamento de Otero pela esquerda: Galo 3 x 0.

SEGUNDO TEMPO

O Atlético voltou para a segunda etapa com a mesma formação e, depois de segurar com tranquilidade a pequena pressão do rival nos 15 minutos iniciais, levou perigo no cruzamento de Otero pela esquerda, mas a bola atravessou a área.

Aos 17, após cruzamento de Patric pela direita, a bola sobrou para a finalização de Luan, defendida pelo goleiro. Otero cobrou falta pela esquerda, aos 21 minutos, para fora.

Cazares tabelou com Ricardo Oliveira, aos 23, e chutou de fora da área, mas sem direção. Aos 29, Luan e Elias foram substituídos por Tomás Andrade e Yago, respectivamente.

Tomás Andrade foi logo exigindo boa defesa do goleiro rival em chute cruzado, aos 33 minutos. No minuto seguinte, o argentino tentou enfiada de bola para Patric, mas a bola ficou mais para a defesa.

Victor fez boa defesa aos 35 minutos, no cabeceio de Sassá. Aos 36, Arrascaeta diminuiu para o rival: Galo 3 x 1. Em seguida, Adilson foi substituído por Arouca.

Aos 40 minutos, Otero cobro falta de longa distância e Fábio fez a defesa. Na jogada seguinte, Cazares tentou chute colocado e a bola saiu à esquerda do gol.

Cazares exigiu outra boa defesa do goleiro rival aos 42 minutos, em novo arremate da entrada da área. Aos 43, Otero soltou a bomba de fora da área e Fábio fez a defesa.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO 3 x 1 CRUZEIRO

Motivo: Campeonato Mineiro (Final – Ida)
Data: 1/4/2018
Estádio: Arena Independência
Cidade: Belo Horizonte (MG)
Gols: Ricardo Oliveira (36’/1ºT)(45’/1ºT) Adilson (41’ /1ºT), Arrascaeta (36’/2ºT)
Público: 21.215
Renda: R$580.025,00
Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva (FIFA/PA)
Auxiliares: Helcio Araújo Neves (CBF/PA) e José Ricardo Guimarães Coimbra (CBF/PA)
Cartões amarelos: Elias, Adilson, Ricardo Oliveira (Atlético); Sassá (Cruzeiro)

Atlético
Victor; Patric, Leonardo Silva, Gabriel e Fábio Santos; Adilson (Arouca), Elias (Yago) e Cazares; Luan (Tomás Andrade), Ricardo Oliveira e Otero. Técnico: Thiago Larghi.

Cruzeiro
Fábio; Lucas Romero, Murilo, Léo, Egídio; Henrique, Ariel Cabral (Mancuello), Robinho, Thiago Neves, Rafinha (Arrascaeta), Raniel (Sassá). Técnico: Mano Menezes.
Com site do Atlético-MG

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm